Política: Comitiva do prefeito de Canavieiras demonstra o resultado de seu desgaste com a câmara.

No feriado de 7 de setembro, terça-feira, o ato cívico promovido pelo Prefeito de Canavieiras, Clóvis Roberto Almeida (PROS), em homenagem a independência do Brasil chamou atenção pela presença de apenas dois dos onze vereadores em sua comitiva. Compareceram ao evento somente Cleri Costa (PROS) e Vitor Fábio (PDT).

A ausência dos demais vereadores durante a solenidade pode ser atribuída a relação desgastante que o Gestor do município vem mantendo com o poder legislativo após uma série de lives. Em seus discursos, transmitidos ao vivo pelas redes sociais, o alcaide por diversas vezes adotou uma postura, interpretada por muitos, como ofensiva e intimidadora aos legisladores canavieirenses. Recentemente uma dessas Lives, após uma série de ataques aos edis, teria apresentado “problemas técnicos” e sumido do provedor, porém alguns internautas salvaram o vídeo e o mesmo repercutiu negativamente no relacionamento do Doutor com os vereadores.

Outras Transmissões também foram recheadas de atritos, diretas e indiretas, aumentando cada vez mais o clima tenso entre os poderes e alimentando incessantemente a distância política do executivo com os representantes da casa de lei. Após perceber o distanciamento, com duas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), o prefeito recuou, baixou o tom, segurou a onda e tentou adotar um posicionamento mais brando supostamente para não perder aliados na votação das mesmas na câmara. Ao que tudo indica a tática não vem funcionando e o reflexo dessas ações é um isolamento cada vez mais profundo do Mandatário municipal.

A atual gestão já teve três (2017, 2018, 2019) das quatros prestações de contas julgadas pelo TCM e as duas últimas foram rejeitadas pelos técnicos do tribunal após identificarem uma gama de irregularidades na condução dos recursos públicos. Agora, Almeida precisa que 8 dos 11 vereadores votem contra o relatório do TCM para não se tornar inelegível. As contas já se encontram no site do TCM para consulta de todos cidadãos e a qualquer momento devem pintar na câmara e serem colocada em apreciação.

Compartilhe